4 Temperamentos Humanos

DOMINÂNCIA CEREBRAL na GESTÃO de CONFLITOS


William Edward “Ned” Herrmann
Foi um dos pioneiros na exploração da compreensão do cérebro como um sistema de quatro quadrantes.

Segundo Ned Herrmann, as pessoas possuem quatro estilos comportamentais básicos.
Em geral, existe a dominância de um deles, apesar de todos terem um pouco de cada.

O estilo de dominância influencia as formas de pensamento e comportamento.

Energias (forças) Racionais vs Emocionais

Em seus estudos, concluiu que o equilíbrio das energias (forças) racionais e emocionais é altamente contributivo para a execução das tarefas profissionais e pessoais.

Ele dividiu o cérebro não apenas em lado esquerdo e lado direito.
Mas também estudou o efeito da dominância superior e inferior.

Assim, surgiram os quatro estilos de dominância cerebral.

Esses estilos caracterizam nossos impulsos e habilidades para atividades do dia-a-dia, influenciando nossa criatividade, energia emocional, trabalho em equipe, iniciativa e desempenho nas negociações.

Saiba que não existe um estilo melhor ou mais eficaz do que o outro!!

É recomendado para a formação de uma equipe de alto desempenho que haja representatividade de dominância de todos os estilos.

Todos devem de ter consciência das:
Suas características pessoais
– Das características dos outros do team
Porque isso auxiliará bastante na gestão dos conflitos naturais decorrentes destas diferenças.

DOMINÂNCIA CEREBRAL

A DOMINÂNCIA CEREBRAL separa as pessoas de acordo com as áreas do cérebro, classificando-as como:
Analíticas (A)               – ANALISA os fatos – trata-os de forma lógica e racional.
Controladoras (B)     – VISUALIZA os “fatos” – trata-os de forma intuitiva e holística.
Relacionais (C)           – ORGANIZA os fatos – trata os detalhes de forma realista e cronológica.
Experimentais (D)   – SENTE os “fatos” – trata-os de forma expressiva e interpessoal.

A- Características do analítico

Analisa, quantifica, é lógico, é crítico, é realista, gosta de números, entende de dinheiro, sabe como as coisas funcionam.

B- Características do controlador

Toma providências, estabelece procedimentos, faz acontecer, é confiável, organiza, é arrumado, é pontual, planeja.

C- Características do relacional

É curioso, brinca, é sensível com os outros, gosta de ensinar, toca muito as pessoas, gosta de apoiar, é expressivo, é emocional, fala muito.

D- Características do experimental

Sintetiza, intuitivo, imagina, especula, corre riscos, é impetuoso, quebra regras, gosta de surpresas.

A Personalidade Humana é composta por 2 partes:

1- Genética, já nasce connosco.
2- Moldada pelo Meio em que vivemos, Experiências de vida, Relacionamentos e traumas.

A teoria dos Temperamentos trata da parte genética da nossa personalidade.

Teoria dos Temperamentos

Na Liderança é fundamental conhecermos o nosso próprio temperamento e dos outros, para podermos:
– Canalizar positivamente as nossas atitudes advindas do temperamento
– Fortalecer as nossas qualidades.

Obviamente, não existe temperamento melhor ou pior, mas sim diferente.
Importante, é ter a habilidade de saber identificar essas características nas pessoas (e em si próprio).

Personalidade

(Vem da palavra latina persona).
É sua identidade em relação ao que os outros pensam a seu respeito, que muitas vezes não representa o que você é.

Caráter

(Vem de um verbo grego que significa Gravar).
É tudo aquilo que você é na sua intimidade e ninguém sabe. 
São atitudes repetidas diariamente que determinam e moldam o caráter.

São os HÁBITOS

Temperamento

(Vem do latim ‘temperamentum’, que significa ‘uma mistura de proporções’).
É o “tempero” de cada um, aponta preferências, gostos e disposições.
É uma predisposição que forma a base de nossas tendências naturais: pensar, sentir, desejar e agir.

São as INCLINAÇÕES

4 TIPOS DE TEMPERAMENTOS

Que interferem na maneira das pessoas agirem e reagirem nos seus relacionamentos e acontecimentos de um modo geral:               Sanguíneo,      Colérico,         Fleumático,     Melancólico.

Cada um deles possui pontos fortes e pontos fracos.
Podemos identificar mais do que um por pessoa, mas um deles é sempre o dominante.

TEMPERAMENTO SANGUÍNEO

Qualidades
Comunicativo, extrovertida, muito expressiva, eufórico, animada, entusiasta, amigável, simpático, conversador, cordial, amigável, agradável e compreensivo.

É expressivo nas suas ações e palavras e entusiasta em tudo o que faz.
O sanguíneo é aquele que fala antes de pensar.
Com seu espírito descontraído e encanto, pode ser chamado de o temperamento que “aproveita” a vida.
Tem uma personalidade calorosa, vivaz e, corretamente por vezes o chamam de “alma da festa”.
É o tipo de pessoa que numa reunião toma conta das conversas.
Se há um grupo de pessoas reunidas e rindo, com certeza tem um sanguíneo a falar. 

Pontos críticos
É emocionalmente instável e indisciplinado.
Está muito focado em si mesmo, sendo exagerado nas suas atitudes e muitas vezes improdutivo.
O sanguíneo é aquele que se ira com facilidade e pega logo fogo; é impulsivo.

Resumindo
É sempre cordial, eufórico e vigoroso.

TEMPERAMENTO COLÉRICO

Qualidades
Enérgico, extrovertido, visionário, independente, otimista, prático, eficiente, produtivo, decidido, líder, audacioso, autosuficiente e autoconfiante.

A principal qualidade do colérico é a força de vontade.
O colérico é chamado o temperamento mais ativo porque é aquele que mais produz.
É o tipo de pessoa que resolve as coisas, que transforma ideias em fatos reais.
Toma atitude definida diante dos problemas.

Defeitos
Dominador, insensível, vingativo, cruel e sarcástico, iracundo, impaciente, intolerante, vaidoso, auto suficiente, insensível.
O nome colérico vem de cólera, que é o impulso violento contra o que nos ofende, fere ou indigna, ira.
O colérico é propenso à cólera, cheio de cólera, irado, atacado de cólera.

Resumindo
É ardente, vivaz, ativo, prático e voluntarioso.

TEMPERAMENTO MELANCÓLICO

Qualidades
Habilidoso, talentoso, minucioso, sensível, perfeccionista, muito leal, dedicado, autodisciplinado, com grande sentido estético, pensamento analítico e está sempre disposto a auto sacrificar-se.

O temperamento melancólico é aquele que sofre de melancolia que é um estado mórbido de tristeza e depressão, pesar.
O melancólico esconde-se dos outros, não se mistura, gosta de andar só.
É voltado para si mesmo, e, às vezes, pensamos nele como o que possui o temperamento “sofredor”, pois é muito exigente consigo mesmo, através de uma constante autoanálise.

Ele é uma pessoa naturalmente sombria, tristonho e pessimista, entretanto é muito bem dotado e com tendências para gênio.

Defeitos
Mau humor, pessimismo e espírito altamente crítico e egoísta, inflexível, antissocial, inseguro e muito sensível ás emoções.

Resumindo
É analítico, abnegado, bem dotado e perfeccionista.

TEMPERAMENTO FLEUMÁTICO

Qualidades
De natureza é calmo, tranquilo, digno de confiança e cumpridor de deveres, eficiente e organizado, conservador, pratico, objetivo, líder, diplomata, bem-humorado, nunca se perturba ou fica irado.

É organizado, prático e objetivo.
Possui um espírito de humor inabalável, tímido mas aprecia o convívio social.

Defeitos
Calculista, temeroso, teimoso, indeciso, contemplativo, desconfiado, pretensioso, introvertido, desligado, desatento e desmotivado.
O nome fleumático vem de fleuma, que quer dizer frieza de ânimo, impassibilidade.

Resumindo
É calmo, frio e bem equilibrado, raramente explode em riso ou raiva.
Tem uma tranquilidade singular que lhe confere um temperamento de fácil relacionamento, manso e bem equilibrado. Sempre evita a violência e nunca parece estar agitado.

HISTÓRIA ILUSTRATIVA DOS 4 TEMPERAMENTOS

Os quatro temperamentos foram amarrados dentro de um saco.
Depois de tanta luta, lá conseguiram sair.
O primeiro foi o Colérico cheio de ira, querendo saber quem tinha feito isso com ele (todo cheio de razão).
O segundo foi o Melancólico todo cabisbaixo achando que o culpado de todos estarem presos era ele (sempre se culpando).
Logo atrás vem o Sanguíneo todo espevitado, cantando e dançando dando graças a Deus por estar solto.
Por último o Fleumático quando saiu logo viu o saco no chão e pensou com ele mesmo porque não?
Ajeitou o saco, deitou-se e dormiu.

Temperamentos x Liderança

Todo temperamento é influenciado pelo caráter, personalidade e comportamento de cada indivíduo.
É bastante comum termos um temperamento dominante e um secundário.

O correto desenvolvimento de uma pessoa deve passar pelo:
– Aperfeiçoamento das características positivas de seu temperamento
– Luta constante por vencer seus pontos críticos.

O líder deve de possuir este conhecimento a fim de aplicá-lo no seu dia-a-dia para:
– Enfatizar as qualidades peculiares de cada um.
– Auxiliar em alguma fraqueza que se queira melhorar.

© Copyright © Kuriakos Negócios - Todos os direitos reservados - Proibida a cópia ...

Kuriakos Negócios 2018